Maçãs secas podem reduzir o colesterol

Maçãs secas podem reduzir o colesterol total em 14% e o LDL em 23% em mulheres, de acordo com estudo apresentado na reunião Experimental Biology em Washington

 

Mulheres que ingeriram maçãs secas diariamente por um ano reduziram cerca de 14% do colesterol total e 23% do LDL colesterol (“colesterol ruim”). Bahram Arjmandi, do departamento de nutrição, alimentação e ciências experimentais da Universidade do Estado da Flórida, apresentou os resultados da pesquisa na reunião Experimental Biology em Washington esta semana.

No presente estudo, foram avaliados os efeitos do consumo de maçãs a longo prazo na saúde cardiovascular. Os pesquisadores estudaram 160 mulheres, com idades entre 45 e 65 anos, separadas em dois grupos: um que recebeu 75 gramas de maçãs secas diariamente por um ano e outro que consumiu ameixas secas diariamente por um ano.

Os resultados mostraram que as mulheres que consumiram maçãs secas reduziram o colesterol total em 14% e o LDL colesterol em 23%. Houve redução significativa dos níveis de proteína C reativa e de hidroperóxidos de lipídios, duas substâncias que indicam aumento do risco cardiovascular. Os efeitos do consumo das ameixas secas não foram mencionados no estudo apresentado.

A hipótese dos pesquisadores é de que a maçã reduz a inflamação no organismo.

A porção de maçãs secas tinha aproximadamente 240 calorias. Uma maçã contém cerca de 5 gramas de fibra, de acordo com o departamento de agricultura dos Estados Unidos.

Apesar do aumento das calorias ingeridas, as mulheres que consumiram as maçãs não ganharam peso durante a pesquisa, até mesmo apresentaram uma redução do peso corporal em cerca de 1,5 kg, o que provavelmente deve-se à sensação de saciedade ocasionada pelas fibras presentes na maçã. A maçã contém fibras solúveis na polpa e fibras insolúveis na casca, além de pectina e outros antioxidantes naturais.

Na verdade, muitos estudos já comprovaram que uma dieta rica em fibras auxilia no processo de redução de colesterol LDL, bem como colesterol total. Essa matéria não revelou o que aconteceu com os pacientes que comeram ameixa o que pode significar que as maçãs secas produziram melhor resultado do que as ameixas.

O que é bom frisar, é que NÃO É SÓ A MAÇÃ QUE VAI REDUZIR O COLESTEROL, MAS UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISENTA DE GORDURAS SATURADAS E SEM ABUSO DE AÇÚCARES,  ACOMPANHADA DE EXERCÍCIOS FÍSICOS. A maçã ajuda nesse processo, mas não pode ser usada como principal “remédio”.

Fonte: Drugs.com

Anúncios

Etiquetas:, , , ,

%d bloggers like this: