Ômega 3 e o peso de crianças

Pesquisadores americanos publicaram na revista The American Journal of Clinical Nutrition um estudo que avaliou o consumo de ácidos graxos durante a gestação e concluiu que as mães que apresentavam aumento no consumo de ômega-3 tiveram filhos com menor adiposidade.

Trata-se de um estudo que teve o objetivo de avaliar a associação entre as quantidades de ácidos graxos ômega-3 (n e 6  presentes na dieta materna e suas concentrações sanguíneas com a adiposidade infantil em crianças de até 3 anos de idade. Os autores trabalharam com a hipótese de que uma maior exposição pré-natal aos ácidos graxos ômega-3 seria inversamente associada com obesidade infantil.

Conclusão: os estudos sugerem que a maior ingestão de fontes dos ácidos graxos ômega-3 durante o pré-natal estão associados com menor adiposidade na infância.

“Estudos anteriores constataram que maior ingestão de ácidos graxos ômega-3 pode estar associada com menores taxas de obesidade e melhor desenvolvimento neurocognitivo.

Algumas fontes de ômega -3:

Linhaça

Peixes oleosos de água fria (atum, arenque, sardinha, cavala e salmão)

Óleo de Canola

 Azeite de oliva

 Linhaça

 Sementes de Sálvia

 

Anúncios

Etiquetas:, , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: