Falta de apetite e orexígenos

É interessante falar sobre esse assunto, quando a tônica é sempre o excesso de peso. Na verdade, os quilos a mais também comprometem a saúde e apresentam muitos riscos a vida humana. E como os casos aumentam assustadoramente a cada estatística realizada, já é considerada uma epidemia. Por isso, se aborda com muita frequência a obesidade.

Mas a falta de apetite e o emagrecimento acentuado, são sintomas tão graves quanto a obesidade e podem apresentar consequências mais rapidamente. A primeira atitude é procurar um médico para se descobrir a causa e resolver o problema. Se a falta de apetite continua e ameaça a vida do paciente podendo levá-lo a desnutrição proteico-calórica, então o profissional entrará com o orexígeno, para melhorar esse sintoma.

O orexígeno é um medicamento com a função de estimular o apetite. É uma droga que não pode ser utilizada por quem se considera magro e quer ganhar peso. Sua função principal é evitar a desnutrição e suas consequências. Só deve ser usado por orientação médica e com acompanhamento. É utilizado em doenças em que a falta do apetite pode comprometer a saúde do indivíduo, como a síndrome da anorexia e caquexia, em câncer e em aids, em que a maioria dos indivíduos perdem peso, devido, entre outros motivos, à falta de apetite. Os orexígenos devem ser prescritos depois de ter resultado infrutífero na tentativa de aumentar a ingestão alimentar apenas com a alimentação espontânea.

A falta de apetite, quando não tratada, pode levar a carências nutricionais, tendo como consequência desde queda de cabelos, deficiências visuais, deficiências no crescimento de crianças, problemas de aprendizagem, memória, etc, até a falência orgânica causando a morte.

Um dos sinais de que o organismo não vai bem é a falta de apetite. Atenção a essa sinalização pois pode significar uma enfermidade ou de origem física ou emocional e em qualquer dos casos deve ter uma orientação médica. Não espere muito tempo para procurar ajuda. Tem tratamento e pode ser resolvida.

Amanhã falaremos de ração humana, Anvisa e mitos e verdades a respeito.

Anúncios

6 thoughts on “Falta de apetite e orexígenos

  1. Marco 09/07/2011 às 12:09 am Reply

    Estou a dois anos nesse processo perdi 16kg e ninguem sabe exatamente o que é… Só sei que não consigo suportar o cheiro de gordura, já passei por gastro, nutricionistra, psicólogo, psiquiatra, já tomei todo tipo de medicamento e nada até agora, atualmente fui a uma nutróloga e comecei um tratamento com uma dieta, adeforte e polivitamínico nada para falta de apetite que é constante, de acordo com ela o adeforte resolveria, mais não me senti bem, é puro óleo… Observei a algum tempo presença de gordura nas fezes mais por achar normal não comentei essa parte com a nutróloga isso pode ter alguma influência?

    • Ola Marco, sim essa informação é relevante sim e a esteatorreia, perda de gordura pelas fezes pode ter inúmeras causas. O importante Marco, é você estar sendo acompanhado por um profissional e que seja investigado a causa dos seus sintomas. O corpo fala e faz isso através de sinais e sintomas que ele apresenta e que sempre devem ser considerados.
      Um grande abraço

  2. Cristiana 10/04/2012 às 7:03 pm Reply

    Olá, tenho uma amiga que não come nada durante o dia, pois não sente fome. Queria saber como ajudá-la. teve um dia que ela passou o dia apenas com uma maçã. O que eu faço?

    • Olá Cristiana, sua amiga tem que buscar um médico para saber a causa da anorexia. É necessário investigar se a causa é física ou emocional e buscar ajuda. Você tem acesso à família? Não sei há quanto tempo ela está assim. De qualquer maneira, falta de apetite é o corpo dando um sinal de alerta. Me dê notícias. Um abraço.

  3. antonio 19/05/2012 às 8:02 pm Reply

    olá, a utilizacao desses remedios para ganhos de peso para estética faz mal ao organismo? quais males eles podem causar?

    • Qualquer tipo de medicamento ou mesmo suplemento alimentar só deve ser administrado com orientação de um médico ou de uma nutricionista (suplementos).As substâncias químicas provocam reações que precisam ser controladas e acompanhadas para que não haja prejuízo do equilíbrio do organismo. O desequilíbrio traz uma série de consequências que vão desde a deficência na absorção de nutrientes, gerando funcionamento orgânico alterado, até enfermidades mais sérias.Por isso a necessidade de um acompanhamento profissional adequado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: