Nadar de estômago cheio pode levar a afogamentos

13/08/2011

Parece que as pessoas que vão nadar em um estômago cheio realmente têm um maior risco de afogamento, disseram pesquisadores em Ciência, Medicina e Direito. Conselhos sobre quanto tempo deve-se antes de nadar rápido é muito variável, de 20 minutos a até três horas. Os autores dizem que estudos anteriores haviam revelado poucas evidências de uma ligação entre comer antes de ir nadar e o risco de afogamento.

Editor de Ciência, Medicina e Direito, o Professor Peter Vanezis, diz:
“O estudo destaca o que sempre suspeitávamos e foi desenvolvido numa base caso a caso”

Prof Vanezis também é professor de Medicina Forense e Ciências Médicas da Barts e da London, Queen Mary, University .
Cientistas da Medical University  recolheram dados em 536 autópsias entre abril de 2000 e dezembro de 2007. Eles avaliaram os arquivos de autópsia , caso, relatórios e boletins de ocorrência para determinar como cada pessoa tinha morrido – algumas mortes foram classificadas como indeterminadas. Eles documentaram níveis de álcool no sangue e se havia resíduos de alimentos sólidos no estômago, que eram visíveis a olho nu (se tivessem comido recentemente).
Em 79% dos casos em que o conteúdo estomacal foram identificados, a pessoa tinha morrido por afogamento acidental – 27 de 34 autópsias. 59 das mortes foram indeterminado, e incluiu oito casos de pessoas se afogando em seu banho.
79,4% daqueles que se afogaram acidentalmente tinha conteúdo estomacal visível (tinha comido recentemente).
Os pesquisadores dizem que eles identificaram uma ligação entre a ingestão de alimentos e risco de afogamento. No entanto, mais estudos são necessários para determinar qual a quantidade de comida que aumenta o risco, e quanto tempo deve-se esperar antes de nadar.

Os autores acreditam que dois fatores aumentam o risco de morte:

-Aspiração do conteúdo gástrico por vomito ou refluxo súbito e, posterior asfixia, com perda da conciencia
– Desvio de volume sanguíneo para o intestino durante a digestão, causando problemas de circulação, quando o indivíduo associa a isso o contato com água fria. Isto pode reduzir o fluxo sanguíneo cerebral , resultando em perda de consciência momentânea, porém fatal por estar dentro de ambiente aquático.

Congressos Médicos
 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: