Gravidez


A gravidez é uma fase muito especial na vida da mulher, é quando ela está gerando e desenvolvendo uma nova vida. E esse é um milagre tão maravilhoso que faz com que a maioria das mulheres queiram viver essa experiência.

Quando a gestação inicia, algumas mudanças e reações são percebidas pela mãe em seu corpo. Sua alimentação tem grande influência sobre seu organismo e a vida e formação do bebê e nesse processo alguns incômodos podem aparecer.

Um deles é o aumento da flatulência, provocando inchaço e desconforto. Estes sintomas aparecem devido à influência hormonal que começa logo no início da gravidez, relaxando os músculos, incluindo os do trato digestivo.
Essa reação provoca uma digestão mais lenta, os alimentos não são completamente ou devidamente digeridos, causando a produção de maior quantidade de gases no intestino grosso. Na fase mais tardia da gravidez o útero preenche a maior parte do abdómen, podendo intensificar esse desconforto após as refeições, aumentando a sensação de inchaço e de azia.

Mas é possível melhorar esse desconforto e alguns cuidados são importantes:

  • Fracione as refeições para que as porções de alimentos sejam menores. Isso é compensado no número de refeições (EX.: cafe da manhã. colação, almoço, lanche, jantar e ceia.
  • Evite bebidas ou alimentos adoçados artificialmente com sorbitol, especialmente bebidas de dieta, refrigerantes, sucos açucarados, água com gás.
  • Coma devagar e mastigue muito bem os alimentos.
  • Evite líquidos durante as refeições.
  • Sente-se ereta ao se alimentar.
  • Evite alimentos processados.
  • Evite o uso de roupas apertadas à volta da cintura ou abdómen.
  • Tente fazer pelo menos 20 minutos de exercício, nem que seja uma pequena caminhada.
  • Beba chá de menta, pois ajuda a aliviar os sintomas.
  • Beba 6 a 8 copos de água por dia.

Alguns alimentos favorecem naturalmente a formação de gases como os pães brancos, biscoitos, etc. No entanto alguns provocam mais gases a umas pessoas do que a outras. Mas, mesmo assim, não retire esses alimentos da dieta, mas procure não juntá-los nas mesmas refeições. Se os evitasse, poderia se privar de nutrientes importantes. Fazer um diário alimentar durante um período, é interessante para que se identifique aqueles alimentos que provocam essa reação mais fortemente.

Cada organismo é único e suas reações variam muito de um indivíduo para outro e os alimentos que provocam reações desconfortáveis não são os mesmos para todos.
Mas alguns são mais comuns em provocar essas reações
Couves de Bruxelas, Feijão,  Aspargos,  Brócolos, Lentilhas, pães brancos, biscoitos refinados (com farinha branca).

Mamães, o importante é serem bem orientadas para que a gravidez seja intensa e gostosamente vivida.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: