Colelitíase (pedra na vesícula)

A vesícula é uma pequena “bolsa” que se encontra junto ao fígado e sua função é armazenar bile. A função básica da bile é digerir as gorduras. Após a  alimentação , a vesícula se contrai e libera a bile (um líquido amarelo esverdeado espesso), em grande quantidade no intestino para entrar em contato com o alimento e continuar o processo de digestão iniciado pelo estômago.

A bile é basicamente composta por:  colesterol, sais biliares e lecitina que juntos, em quantidades proporcionais, mantêm a bile em estado líquido . Quando há uma alteração na produção do colesterol ou dos sais biliares, há precipitação desta substância formando pequenos grânulos. Estes grânulos são o início das pedras.

É possível ter muitas ou apenas uma pedra; pedras pequenas como grãos de areia ou grandes até o tamanho de um ovo de codorna ou ainda maior. Cerca de 90% das pedras são formadas de colesterol. O restante é composto de sais biliares (bilirrubina). O risco aumenta com a idade e a obesidade.

Os principais sintomas são: dor abdominal intensa, geralmente tipo cólica, que pode se localizar no lado direito do abdomen, abaixo da costela, boca do estômago, ou ainda nas costas. É freqüente a presença de náuseas e vômitos.Pode se localizar em todos os lugares descritos ao mesmo tempo ou separadamente. Devido a localização e irradiação da dor, pode ser confundida com problemas de estômago,renais, cardíaco ou até mesmo da coluna vertebral.

Para auxiliar o tratamento, comumente é cirúrgicoé necessário restrinir a quantidade de gordura na alimentação.

Vejamos agora alguns alimentos e preparações mais ricos em gordura, que não são indicados:

  •  Leite, iogurte ou coalhada integrais;
  •  Queijos gordurosos;
  •  Chocolate e seus subprodutos; doces, bolos ou tortas doces que contenham creme de leite, coco, chocolate, chantili, frutas oleaginosas, sorvetes cremosos;
  •  Biscoitos amanteigados, massa folhada, torta de massa “podre” como empada, empadão, quiches;
  •  Banha animal, bacon, toucinho, torresmo;
  •  Carnes gordas, pele de aves, frios (mortadela, copa, salame, salaminho, presunto) e embutidos (linguiças e salsichas);
  •  Sanduiches gordurosos;
  •  Alimentos fritos, milanesa ou empanados imersos no óleo;
  •  Manteiga, maionese comum, margarinas duras;
  •  Frutas oleaginosas (nozes, castanhas, amêndoas, avelãs, macadâmia, amendoim);
  •  Frutas com alto teor de gordura como a polpa do coco e o abacate.

Etiquetas:, , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: