Gengibre pode amenizar náuseas na gravidez

O gengibre é um bom exemplo de alimento que também é um medicamento efetivo. Nesse sentido, esse vegetal está ganhando cada vez mais confirmações clínicas de que sua ação terapêutica é segura para náuseas e desconforto gástrico.


Suas propriedades terapêuticas são resultado da ação de inúmeras substâncias encontradas especialmente em seu óleo essencial. Pode ser ingerido puro, em conservas ou utilizado no preparo de pratos salgados, sobremesas, sucos e temperos.


Estudo sustenta a teoria de que o gengibre é capaz de evitar a perturbação do ritmo de ondas lentas por hiperglicemia aguda via inibição da produção de prostaglandinas. (Gonlachanvit et al., 2003)


Em um estudo paralelo, randomizado, duplo-cego, controlado por placebo foi analisado a eficácia do uso do pó de gengibre contra náuseas e vômitos relacionados a gravidez. Foi identificada uma incidência de vômitos de 35,7% no grupo que recebeu o pó comparado com 65,7% do grupo que recebeu o placebo após quatro dias de ingestão. A melhora nos sintomas foi perceptível em 87,5% no grupo que recebeu gengibre e 28,6% no grupo que recebeu o placebo. (Vutyavanich et al.,2001)


A dose diária segura de gengibre deve permanecer entre 1 a 2g de raiz em pó ou fresca. A utilização por indivíduos com cálculos biliares deve ser acompanhada por supervisão médica. Pesquisas sobre a ingestão do gengibre durante a gravidez ou a lactação não constataram efeitos adversos (McKenna et al., 2002).

Etiquetas:, , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: