Precisamos fazer 5 a 6 refeições por dia?

426566_265338063540124_264220393651891_663911_369202543_n

Hoje a nutrição está “recomendada” em muitas mídias. Conselhos, dietas, número de refeições, alimentos que emagrecem, alimentos com boa gordura, com má gordura, etc.

Ao mesmo tempo que muitas revistas possam alertar para os perigos da má alimentação, outras se preocupam em divulgar dietas da moda, óleos que fazem milagres, etc. É preciso muito cuidado com o que se lê. A comida pode salvar, dar saúde, mas também pode adoecer e matar.

Alimentar-se, é dar ao corpo o que ele necessita em quantidades suficientes.

As refeições fracionadas, vão distribuir melhor esses nutrientes ao longo do dia, sem exageros concentrados em 2 ou 3 refeições.

É muito comum em consultório o relato de grande vontade de comer doce. Muitas vezes essa vontade está ligada à necessidade do organismo de repor energia, seja pelo espaço maior entre uma refeição e outra, seja por um gasto grande de energia em um determinado período. Por essa razão, não é conveniente ficar muito tempo sem se alimentar.  (Busque aqui no site por “vontade de comer doce” e você vai encontrar vários artigos).

Mas voltando ao doce, quando bater essa vontade, opte por uma fruta, como uma banana por exemplo, ou outra de sua preferência, ao invés de escolher uma torta ou algo assim para suprir essa necessidade.

Nos intervalos das refeições, iogurte, frutas, sucos, barrinha de cereais, vitaminas de frutas, são melhores opções do que pães, doces, tortas, salgadinhos ou salgadões.

Não esqueçam de incluir as castanhas (caju -um punhadinho e do Brasil -2 unidades) bem como as sementes (gergelim, linhaça e girassol).

No inverno, como falei esta semana, estamos mais propensos a comer mais frequentemente para produzir calor e o chocolate quente é uma opção bastante comum. Uma dica então: escolha um leite desnatado (se tiver problemas com a balança ou com o coração), e um quadradinho de chocolate com 50% de cacau. Joga esse quadradinho no leite quente, espera derreter e o chocolate será igualmente delicioso, porém mais saudável e um pouco menos calórico. (O que não quer dizer que por ser menos calórico pode ser tomado o dia inteiro).

Os chás que também aquecem: eles dependem muito das necessidades de cada um. Se é ter um sono mais tranquilo – chá de camomila, se é um antioxidante – o chá verde ou o branco (cuidado para não consumi-lo depois das 18 horas porque pode interferir no sono), se é para aliviar a formação de gases – o chá de erva doce. Há  também os diuréticos, aqueles que ajudam a baixar a glicose no sangue, os estimulantes, etc. Os chás não são calóricos, mas têm função terapêutica. Podem ser consumidos, de preferência sem adição de açúcar, mas não  em abundância.

Finalizando, a indicação de mais refeições tem diversas razões mas citando algumas: repor energia, suprir o organismo de nutrientes, deixar o metabolismo mais acelerado, etc.

Etiquetas:, , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: