Aditivos nos Alimentos

NÃO DEIXEM DE LER OS RÓTULOS DOS ALIMENTOS

Dessa forma você pode escolher os alimentos mais saudáveis.

Os produtos químicos encontrados com maior freqüência nos alimentos industrializados são:

  • Corantes
  • Aromatizantes
  • Conservantes
  • Antioxidantes
  • Estabilizantes
  • Acidulantes

 

Corantes

A função dos corantes é “colorir” os alimentos, fazendo com que os produtos industrializados tenham uma aparência mais parecida com os produtos naturais e mais agradável, portanto, aos olhos do consumidor. Eles são extremamente comuns, já que a cor e a aparência tem um papel importantíssimo na aceitação dos produtos pelo consumidor. Uma gelatina de morango, por exemplo, que fosse transparente não faria sucesso. Um refrigerante sabor laranja sem corantes ficaria com a aparência de água pura com gás, o que faria que parecesse mais artificial, dificultando sua aceitação. É inegável que uma bebida com sabor de laranja e com cor de laranjada é muito mais agradável de se beber do que uma bebida incolor com gosto de laranja.

Os corantes são encontrados na grande maioria dos produtos industrializados, como as massas, bolos, margarinas, sorvetes, bebidas, gelatinas, biscoitos, entre outros.

Aromatizantes

Os aromatizantes tem por função dar gosto e cheiro aos alimentos industrializados, realçando o sabor e o aroma. Assim como os corantes, os aromatizantes também fazem com que os alimentos industrializados se pareçam mais com os produtos naturais, pois como já foi dito, isso é essencial na aceitação do produto pelo consumidor.

Informar que um salgadinho artificial de milho tem sabor e cheiro de presunto ou de churrasco faz com que ele seja mais aceitável, já que o consumidor vai reconhecer naquele produto um sabor que ele já conhece, de algum outro produto não industrializado que ele já comeu, causando a falsa impressão de que o produto não é tão artificial assim.

Muitos alimentos não possuem em sua composição as frutas que as embalagens anunciam, mas apenas aromatizantes que lhes imitam o sabor e aroma. São encontrados em sopas, carnes enlatadas, biscoitos, bolos, sorvetes, entre outros.

Conservantes

Ao contrário dos corantes e aromatizantes, os chamados conservantes não possuem função de fazer com que os produtos industrializados pareçam ser o que na realidade não são, ou seja, naturais. Sua meta é evitar a ação dos microorganismos que agem na deterioração dos alimentos, fazendo com que durem mais tempo sem estragar.

É possível reconhecer o uso de conservantes na composição dos produtos a partir da leitura dos rótulos das embalagens. Eles são caracterizados pelos códigos P1 a P10. São encontrados em refrigerantes, concentrados de frutas, chocolates, sucos, queijos fundidos, margarinas, conservas vegetais, carnes, pães, farinhas e em milhares de outros alimentos industrializados.

Antioxidantes

Assim como os conservantes, os antioxidantes procuram manter os alimentos em boas condições de consumo por mais tempo. Eles tem sua principal aplicação em óleos e gorduras, impedindo ou retardando sua deterioração, evitando a formação de “ranço” por algum processo de oxidação.

Podem ser encontrados em sorvetes, leite em pó instantâneo, leite de côco, produtos de cacau, conservas de carne, cerveja, margarina, óleos e gorduras em geral, farinhas, polpa e suco de frutas, refrescos e refrigerantes.

Estabilizantes

São utilizados para manter a aparência dos produtos, tendo como principal função estabilizar as proteínas dos alimentos. É possível identificá-los nos rótulos das embalagens pelos códigos ET1 até ET29.

Acidulantes

São utilizados principalmente nas bebidas com função parecida com a dos aromatizantes.

Os acidulantes podem modificar a doçura do açúcar, além de conseguir imitar o sabor de certas frutas e dar um sabor ácido ou agridoce nas bebidas.

Também aparecem codificados nas embalagens, sendo reconhecidos pela letra H. São encontrados nos sucos de frutas e refrigerantes, entre outros.

Aditivos Alimentares

Os aditivos alimentares são largamente utilizados pela indústria alimentícia. Aqui vale a máxima “é a dose que faz o veneno”. Na prática isso significa controlar o consumo de alimentos industrializados, diversificando ao máximo a dieta. Assim, o consumidor elimina o risco de estar acumulando altos níveis de uma determinada substância química no organismo. A dosagem de cada um dos aditivos considerada segura é determinada pela FAC e pela OMS – respectivamente Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura e Organização Mundial de Saúde. Veja o significado e a indicação dos estranhos nomes nos rótulos dos produtos industrializados:

C: São corantes naturais (Cl) ou artificiais (C2).

F: Indica aromatizantes ou flavorizantes, que têm o papel de realçar, respectivamente, o odor e o sabor dos alimentos. Há naturais e artificiais.

EP: Sinónimo de espessante, cuja função é dar consistência ao alimento. Geralmente, é de origem vegetal.

U: É o umectante. que impede o ressecamento do alimento.

AU: São os anti-umectantes, que evitam a absorção de umidade.

ET: Indica a presença de estabilizantes para impedir que os diferentes ingredientes se separem. Os mais comuns são óleos naturais.

H: Sigla dos acidulantes, responsáveis por acentuar o sabor ácido do alimento industrializado. Alguns estão naturalmente presentes nas frutas.

D: Ou edulcorantes. Usados nos produtos dietéticos em substituição ao açúcar

P: Significa a presença de conservantes.

A: São os anti-oxidantes, que evitam a rancificação de produtos gordurosos.

 

Produto

Aditivos Possíveis

Principal Risco Dicas
Salsicha Antioxidante e realçador de sabor Os conservantes mais usados em embutidos são os nitritos e nitratos, reconhecidamente carcinogênicos. Não se iluda achando que salsichas sem corante tomam-se um alimento saudável. Reduza ao mínimo o consumo de embutidos dando preferência às carnes frescas.
Pudins e Iogurtes Espessante, aromatizante, acidulante, conservante e corante. Nessa classe de produtos, os corantes e conservantes representam o maior risco. Em excesso, podem causar alergias e disfunções digestivas e metabólicas. Pudins feitos em casa são imbatíveis e uma coalhada enriquecida com frutas frescas é uma opção melhor do que o iogurte industrializado.
Hambúrguer Antioxidante, conservante. corante, estabilizante, realçador de sabor. O glutamato monossódico, um reforçador de sabor já foi alvo de acusações de ser carcinogênico, mas não há comprovação científica a respeito. Sempre que possível, substitua o hambúrguer industrializado por um caseiro, feito com carne moída fresca.
Gelatinas, Balas e Doces Acidulante, aromatizante e corantes artificiais Os corantes são os vilões, pelo risco de alergias. A longo prazo, há suspeitas de que possam levar a danos digestivos, metabólicos e até neurológicos. Uma boa substituição são os doces e caramelos caseiros. além de gelatina de folha, transparente. enriquecida com suco natural de frutas.

 LISTA DE ALGUNS ALIMENTOS E A COMPOSIÇÃO QUÍMICA

Lista de Aditivos – são apenas cópia de publicação, leiam os rótulos sempre

7 Belo – Nestlê.
Ingredientes: Açúcar cristal, xarope de glucose e gordura vegetal.
Aditivos: acidulante ácido lático, aroma natural de menta, estabilizante leticina de soja, monoesteorato de glicerina.

Água tônica diet – Antarctica
Ingredientes: Água gaseificada, extrato vegetal aromático e quinino.
Aditivos: Aroma natural, conservador benzoato de sódio, acidulante ácido cítrico e ácido tartárico, edulcorante artificial, sacarina sódica e ciclamato de sódio.

Bala de nata – Aymoré.
Ingredientes: Açúcar, glucose, soro de leite em pó, gordura vegetal hidrogenada, amido de milho, gelatina e sal.
Aditivos: Estabilizante lecitina de soja, aroma artificial de nata cremosa.

Big Bol – Ping-Pong.
Ingredientes: Açúcar, xarope de glicose, base para goma de mascar.
Aditivos: Aroma artificial de tuti-fruti, anti umectante de glicerol, estabilizante lecitina de soja, acidulante, ácido cítrico e corante artificial eritrozina.

Biscoito doce de leite – Triunfo.
Ingredientes: Farinha de trigo, açúcar cristal, gordura vegetal hidrogenada, açúcar invertido, amido de milho, soro de leite em pó, doce de leite em pó e sal refinado.
Aditivos: Aroma reconstituído de doce de leite, estabilizante lecitina de soja e corantes naturais.

Bubaloo – Adams.
Ingredientes: Açúcar, xarope de glicose, base para goma de mascar.
Aditivos: Acidulante ácido cítrico, aroma natural de lima-limão, corantes artificiais.

Clorets – Adams.
Ingredientes: Açúcar e xarope de glicose.
Aditivos: Cristais de mentol, actizol, corante natural de clorofila.

Creme de alho – Queops.
Ingredientes: Sal, alho, açúcar, glutamato monossódico.
Aditivos: Corante natural de cúrcuma.

Creme de Leite – Parmalat
Ingredientes: Creme de leite, leite em pó; expressastes goma alfarroba e carragena e estabilsante citrato de sódio.
Aditivos: citrato de sódio

Frumelo – Lacta.
Ingredientes: Açúcar, glucose, gordura vegetal hidrogenada, leite em pó desnatado, gelatina, malto dextrina de milho, suco
concentrado de framboesa e amido de milho.
Aditivos: sabor artificial de framboesa, colorido artificialmente.

Gelatina – Sadia.
Ingredientes: Açúcar, gelatina e sal refinado.
Aditivos: Estabilizante citrato monossódico, aroma natural de limão, corantes artificiais e acidulantes ácido cítrico e ácido
fumárico.

Grill – Maggi.
Ingredientes: Sal, glutamato monossódico, amido de milho, cebola, gordura vegetal hidrogenada, salsa, alho
porró, mangerona, aipo, louro, pimeta-do-reino e cúrcuma.
Aditivos: Aroma natural de alho, acidulante ácido cítrico e anti-umectante dióxido de silício.

Iogurte de morango – Damare.
Ingredientes: Leite, açúcar, fermento láctico e polpa de morango.
Aditivos: Corante natural de choconilha e sorbobato de potássio.

Leite de Côco – Socôco
Ingredientes: Leite de côco padronizado para 11 a 13% de gordura.
Aditivos: (não possui)

Maionese Hellmann’s – Refinações de Milho Brasil
Ingredientes: Óleo vegetal, ovos, vinagre, sal, açúcar, suco de limão concentrado, óleo rezina de páprica, olho e essencial de
mostarda.Aditivos: Edta Calcica dissódica

Maria Mole de Coco – Bretzke.
Ingredientes: Gelatina em pó comestível e açúcar.
Aditivos: Aroma natural de coco.

Molho de tomate com linguiça Calabresa – Maggi.
Ingredientes: Tomate em pedaços, extrato de tomate, cebola, linguiça calabresa, fécula de mandioca, azeite de oliva, óleo de
soja, sal, alho, pimenta vermelha, erva-doce, salsa e pimenta-do-reino.
Aditivos: Acidulante ácido cítrico.

Nestrogeno – Nestlè
Ingredientes: Leite de vaca parcialmente desnatado, sacarose, xarope de milho, óleo de milho, lecitina de soja, vitaminas e sais
minerais.
Aditivos: Ácido fólico, ácido pantotênico e inositol.

Ovomaltine tipo capuccino – Sandoz Nutrition S.A
Ingredientes: Açúcar cristal, soro de leite em pó, glucose, extrato de malte, cacau em pó.
Aditivos: Lecitina de soja, ET.I (fosfolipídeos), corante catamelo, C.V (não existe), espessante carragena E.P.X (carragena), e
aroma imitação de baunilha.

Patê Creme – Swift.
Ingredientes:Bacon, carne porcina, toucinho, miúdos, água, amido, proteína vegetal e sal refinado.
Aditivos: Estabilizante ET-IV (polifosfatos), vinagre e açúcar, antioxidante A-I (ácido ascórbco) e conservador P-VIII (nitritos).

Patê de galinha – Sadia
Ingredientes: Carne de frango, fígado de frango, toucinho, gordura vegetal, amido, sal, proteína vegetal, condimentos naturais
e glutamato monossódico.
Aditivos: Estabilizante Et.IV ( polifosfatos), aromatizante natural composto, anti-oxidante A I I (ácido cítrico) A XIV (não existe),
acidulante H.X (não existe) e conservador P.VIII (nitrito).

Patê de presunto – Swift.
Ingredientes: Carne suína, carne bovina, água, farinha de trigo, sal refinado e proteína vegetal.
Aditivos: Estabilizante ET-IV (polifosfatos), condimento natural, antioxidante A-XIV (não existe) e conservante P-VIII (nitrito).

Queijo fatiado tipo suiço – Nestlè
Ingredientes: Queijo suiço, soro de leite, creme de leite e sal.
Aditivos: Estabilizante citrato de sódio e fosfato de sódio, conservador ácido sórbico e reguladores de acidez ácido lático e ácido
cítrico.

Refrigerante de laranja – Schincariol
Ingredientes: Suco natural de laranja concentrada e açúcar.
Aditivos: Ácido cítrico, ácido isoascórbico, benzoato de sódio e emulsão de óleo de laranja colorida artificialmente.

Refrigerante de maçã Apple – Schweppes
Ingredientes:água gaseificada, açúcar e suco concentrado de maçã.
Aditivos: Aroma natural, acidulante ácido cítrico, conservante benzoato de sódio e corante caramelo.

Refrigerante Guaraná – Schincariol
Ingredientes: Água carbonatada, aroma de óleos, essências, açúcar.
Aditivos: extrato de guaraná, ácidos cítrico e fosf´rico, corante caramelo e benzoato de sódio.

Requeijão light – Danone
Ingredientes: Leite desnatado, creme de leite concentrado protéico de soro de leite, fermento lático e sal.
Aditivos: Patifosfato de sódio.

Sal – Marlin
Ingredientes: cloreto de sódio, iodato de potássio.
Aditivos: Anti-umectante AU.II (carbonato de magnésio) e AU.VI (não existe).

Salsicha tipo Viena – Swift.
Ingredientes: Carne bovina, proteína vegetal, sal e amido.
Aditivos: Flavorizante F-I (natural), antioxidante A-I (ácido ascórbico), estabilizante ET-IV (polifosfatos) e conservador P-VIII
(nitrito).

Salsichas ao molho – Swift.
Ingredientes: Carne bovina, água, tomate, proteína vegetal e extrato de tomate.
Aditivos: Estabilizante ET-IV( polifosfatos), antioxidante A-XIV (não existe) e conservante P-VIII (nitrito).

Salsicha tipo Viena – Swift.
Ingredientes: Carne bovina, proteína vegetal, sal e amido.
Aditivos: Flavorizante F-I (natural), antioxidante A-I (ácido ascórbico), estabilizante ET-IV (polifosfatos) e conservador P-VIII
(nitrito).

Sazon – Aginomoto.
Ingredientes: Glutamato monossódico, sal, alho, calorífico, cebola, cúrcuma .
Aditivos: Inosinato de sódio, louro, pimenta-do-reino, proteína vegetal hidrolizada e salsa.

Shoyu – Hinomoto.
Ingredientes: Soja, milho, sal, açúcar e condimentos.
Aditivos: Conservante P-I (ácido benzóico) e corante caramelo.

Suco de maçã – Yakult.
Ingredientes: Suco de maçã concentrado e água.
Aditivos: Aromatizante natural da fruta F-I (natural).

Taffman-E – Yakult.
Ingredientes: Mel de abelha, extratos vegetais aromáticos, açúcar, vinho e monoglutamato de sódio.
Aditivos: Acidulante ácido cítrico e ácido málico, edulcorante natural sorbitol, estabilizante citrato de sódio.

Tempera-Tudo – Maggi.
Ingredientes: Sal, cebola, gordura vegetal hidrogenada, alho, louro, coentro, salsa e cominho.
Aditivos: Anti-umectante dióxido de silício, aroma natural de cebola e alho.

Tempero completo com pimenta – Queops.
Ingredientes: Sal, cebola, alho, coentro, açúcar, glutamato monossódico, pimenta preta, louro, pimenta vermelha, cúrcuma,
mangericão e salsa.
Aditivos: Aroma natural de alho.

Torrone de amendoim – Embaré.
Ingredientes: Amendoim, glucose, açúcar, gordura vegetal hidrogenada, albumina, amido de milho e sal.
Aditivos: Aroma artificial de vanizol e aroma natural de limão.

Toddynho – Quaquer.
Ingredientes: Açúcar, leite em pó desnatado, soro de leite, gordura vegetal, cacau em pó, extrato de malte e sal.
Aditivos: Aroma imitação de baunilha, espessante carragena, estabilizante lecitina de soja e monodiglisserídeos.

Vinagre de vinho tinto – Toscano
Ingredientes: vinagre simples, fermento acético.
Aditivos: conservador P.V

4 thoughts on “Aditivos nos Alimentos

  1. Mauro 08/10/2010 às 7:59 pm Reply

    Quantos venenos engolimos por dia. Não há saúde que resista a tudo isso. Eu e minha mulher não temos tempo para nada e comemos sempre na rua. No almoço, num restaurante a kilo porque é mais rápido e no jantar,às vezes vamos fazer um programa e comemos com mais calma. O que vc me aconselha a escolher nos Buffets?

    • lenitamunhoz 10/10/2010 às 12:37 am Reply

      Mauro, procure colocar cor no prato (roxo da beterraba, laranja da cenoura, verdes). Qto mais colorido, mais certeza de nutrientes. Procure também não escolher mais de uma fonte de proteína animal (carnes vermelhas, ave ou peixe, ôvo). Não sei como está o seu peso, mas se escolher arroz, abra mão da batata, aipim ou inhame. Evite frituras, prefira os assados, cozidos ou grelhados. Evite os refrigerantes, prefira sucos ou melhor ainda água. O ideal mesmo é não ingerir líquidos durante as refeições. Um abraço

  2. bruna 04/07/2011 às 7:57 am Reply

    isso possui em quase todos alimentos???

    • Olá Bruna, para que os alimentos tenham mais tempo de prateleira, não se estraguem logo, eles são adicionados de substâncias capazes de prolongar a sua vida útil. Essas substâncias estão presentes na grande maioria dos produtos industrializados.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: